fevereiro 11, 2011

O fim da nossa história

      Antes eu ficava aí implorando tuas palavras, tua voz, e todas aquelas babaquices, mas agora mudou. Eu quero que esqueça. Esquece a minha voz, não te fará a mínima falta. Esquece meus textos. Esquece meus depoimentos. Esquece as nossas músicas. Esquece as nossas "telepatias". Esquece a nossa amizade. Me esqueça. 
      Você merecia tantas palavras sujas, tantos tapas, tanta dor, porque aqui o coração tá todo sujo, a dor tá grande viu? Você conseguiu destruir aos poucos o que se formou com anos e anos. Parabéns! Quando eu quiser estragar a vida de alguém, te procuro, porque tu és muito bom nisso. 
     Mas o pior não é você, sou eu. Que consegui amar cada música, cada texto, cada palavra tua, e agora fico aí evitando teu nome, tua foto, só pra ver se dói menos. Mas hoje tá difícil. A dor tá apertando na garganta, mas o orgulho diz pra lágrima não sair. Então fica só a dor, os olhos ardentes, a mão tremendo, a boca seca, o coração espatifado. É ódio, dor, tristeza, mágoa, rancor, nossa, tanta coisa pra um dia só, pra uma pessoa só, pra um pequeno coração só. Não tens vergonha? Mete todas essas coisas ruins, num só ser humano, e depois sai dando gargalhadas. 
     Não vou aguentar, a lágrima vai ter que sair, que vá a merda o orgulho, tá doendo. Sabe quando te falta o ar? Quando o mundo está prestes a desabar? Quando o coração tá pra explodir? Então sabes como eu tou. Destruída? Isso, é uma ótima palavra para me descrever. 
      Não é a primeira vez, mas será a última. Não aguento mais. Essa sua infantilidade de me fazer desabar e depois reerguer com fofuras, agora que tu engula tudo e encontre outra pra fazer de boba. Cansei. Não te escrevi aqueles textos de metros, nem xingamentos de bar, nem nada. Apenas te disse um obrigada e fui. Foi-se tudo. 
    Sabe, eu acreditava mesmo que era para ser pra sempre, com toda a fé que uma amizade possa ter. Quando fosse velha, ainda me lembraria da história bonita que tivemos, das risadas que demos, de tudo, e contaria que fora meu melhor amigo em toda a vida. Mas aí você vem com essas e outras cagadas, me fazendo sempre desacreditar um pouquinho, e um pouquinho daqui e outro dali, PUFT, acabou. 
     Não tenho mais forças, esperança, muito menos algum carisma por ti. Acabou as chances de desculpas, de palavras fofas, de reconciliação, é o fim sim. Por mais que um lado meu grite pra ti voltar, que eu ainda quero sim nossa amizade, que tu é muito imporante pra mim e blablabla, faço força e simplesmente ignoro. Não mereces. Não mais. Dessa vez machucou feio, não foi só uma simples ferida, foi um corte. Arrancou-me um pedaço. 
     Pra quem dizia querer conhecer toda minha família, estar sempre presente, me ver mais que qualquer coisa no mundo, tu foi bem cruel, não achas? Pra quem dizia que eu era a pessoa mais importante, a melhor amiga, a menina que o fez chorar, a que você amou, você machucou muito, não achas? Agora vejo o que aquele ano de diferença faz. Tua infantilidade me espanta.
      Enfim, é o fim. Sem agradecimentos, não estou com cabeça pra te agradecer de nada, apenas vá. Saia o quanto antes. Não te suporto mais. Só não esqueça: tu me machucou muito, me fez chorar como pensei que jamais choraria por algum amigo, pensei mesmo que tu era de confiança. Desculpe por ter sido tão legal com você, merecia ter recebido muita merda. Muita arrogância minha. Muita frieza. Vai ser difícil, mas daqui a um ano ou dois, nem lembrarei do teu nome. Se Deus quiser. 
Adeus.

Se você chegou até aqui, deixa eu te falar: é real. Sim. Toda essa história aconteceu comigo, já faz um tempinho.. E gostaria de pedir algum conselho, uma ajudinha. O que você faria se estivesse no meu lugar? Beijos!
(Ah, meu twitter mudou. Agora é @memoriadora. Sigam lá! :D) 

19 comentários:

Bia Oliveira :) disse...

"Não vou aguentar, a lágrima vai ter que sair, que vá a merda o orgulho, tá doendo. Sabe quando te falta o ar? Quando o mundo está prestes a desabar? Quando o coração tá pra explodir?"
aaah que lindo lara, meio triste mas lindo.
com certeza essa dor vai passar e você vai esquecer ele (acho que sei quem é). e se for quem eu acho que é, então você está certa em tentar esquecer. como eu disse uma vez pra uma amiga: "certas amizades só existiram para preencher o vazio que você encontrava em você mesma"
beeijos (k)
beijos <3

Iasmin Morais disse...

Nossa, muito triste isso. Eu sei mais ou menos o que você sentiu porque já aconteceu comigo uma vez, só que com uma amiga e de um jeito diferente. E hoje não nos falamos mais, tudo que a gente passou juntas eu nunca esqueci nem esquecerei, mais a amizade que existiu um dia não mais existe.
Só que é difícil passar por essas coisas e não chorar, mais nada que o tempo não cure não é?
O melhor a fazer é deixar o tempo mostrar se o que aconteceu não tem perdão. Comigo teve, só que eu preferir não ser mais amiga dela pra não me machucar de novo e vivo recusando todas as chamadas, mensagens dela. Pareço cruel né? mais só eu sei a dor que eu sentir e tenho certeza que por mais que agente te entenda só você sabe a dor que esta sentindo. Mais boa sorte ai, independente do que aconteça. Beijos.

LarissaB. disse...

Isso me comoveu demais, me impressiono com o modo que voce sabe escrever sobre os seus sentimentos.
querida, eu sei como é dificil olhar pra tras e ver que tudo o que fizemos, tudo o que sacrificamos, foi inutil... mas a verdade é que isso é inevitável, mas sempre tem uma lição junto...
Esqueça-o por mais dificil que seja, ignoreo-o por mais que voce queira falar com ele, vai pra longe dele e seja feliz! voce merece, toda pessoa que passa por isso merece.
seu coração é lindo por dentro tem tanto amor, tenho certeza que alguem um dia te dara o valor que voce merece, porque voce realmente merece.
fique bem logo, desejo isso de coração =)
beeijos <3

Libia disse...

Lara, eu sempre comento nos seus post's, elogio, mas esse não tem comparação. Sabe que que é ler um texto e você ir se identificando com cada palavra e sentindo aquele aperto que voce achou que já tinha ido embora, voltar pra dentro de você? Exatamente isso que aconteceu. Eu passei por tudo isso, e hoje em dia a gente nem conversa mais direito. A gente se cumprimenta, faz algumas brincadeiras, mas aquela amizade que envolveu tanta confiança não volta jamais. Mesmo eu tendo passado por isso, não sei conselhos para te dar. Eu resolvi deixar que o tempo curasse e arrumasse tudo e acho que ele quis me mostrar que as vezes o amor acaba e leva junto a amizade. O problema maior é que eu sai muito machucada, ferida por dentro, e isso me fez com que eu esquecesse mais fácil. Não vou te dizer que ele não é importante pra mim, na verdade, acho que ele sempre vai ser um pedaço da minha vida. Um passado distante, que teve o decente fim. Boa sorte meu bem

Thais Miranda disse...

Eu sei o quanto essa historia é complicada, todas as brigas, as pequenas discussões, os desentendimentos os momentos de perdão, e quando estava tudo indo muito bem, onde mesmo assim, a distancia e idade, não era motivo para não serem tão próximos. Vi o qunato te afetava quando não estavam tão bem, mesmo qunado não queria demonstrar. Mas como você disse, ele arruinou tudo. E da para perceber isso, aidiotice dele realmente foi muito grande. E eu duvido que ele não saiba o que fez. Por que ele tenha sido um grande amigo, no seu lugar, eu não conseguiria perdoar isso. Deixaria que o tempo fizesse o esquecer. E se restasse alguma lembrança, que seria apenas de um bom momento.

Gabriela Furtado disse...

Querida, se você identificou o fim, se você já sabe, já sentiu que não há mais volta, ou se ainda, você mesmo com todo o amor não quer mais esta volta eu não aconselho que fale o que sente. Mas considero super importante "curtir" seu luto, sentir essa dor na integra, porque só assim ela vai passar. Quando quiser chorar: chore, quando quiser falar: fale, só não guarde para si.
Beeeijos flor

Tamires Buliki. disse...

Quer um conslho, querida? Esqueça esse babaca! (=
Beijão!

Change What disse...

cry. menina, só te digo pra seguir em frente, mas foi tão cruel assim.. posha eu sei que é dificil perdoar que o orgulho não deixa, mas sabe tem tanta gente que deixa pra pedir perdão qndo a outra pessoa ta morrendo ou algo assim, seja diferente, se vc for pedir perdão será ele quem se sentirá mal, e não você, porque talvez até te aliviará a dor. Desculpa , sou péssima em dar conselhos, se cuida *-*

É sempre assim disse...

Não tenho um conselho, porque eu me vi nesse texto, palavra por palavra.

Obrigada, pelos elogios, fiquei muito feliz, mesmo. Te sigo no twitter.

@yasmin_vizeu disse...

Seus textos conseguem me tocar, sabia? Claro que sabe né, digo isso a cada postagem nova que tem por aqui... HAHAHA
Ah querida, não sei o que te falar, até porque seria um pouco difícil te dar algum conselho com base somente neste texto, afinal, eu não sei o que realmente aconteceu, não é mesmo?
Mas acho que tem uma coisinha, sim, que eu possa te dizer. Vai parecer muito clichê, mas é a verdade: tenha paciência, porque passa.
Adorei o texto ;)

:*

Andressa disse...

lindo lindo lindo texto! *------*

tamara furlan disse...

Sincero, profundo, lindo, inspirador, sofredor, renovador, foi o que eu senti quando li sua palavras que sempre envolvem o leitor..

Afinal, todos os textos anteriores estao perfeitamente ótimos também!

Marie Raya disse...

Lara, achei incrível a sua sinceridade e intensidade nesse post. Bem, em relação ao conselho sou péssima. Estou numa fase péssima pra conselhos e nãos estou seguindo nemmeus próprios, haha. Enfim, adorei o texto. E espero mesmo que uma fase incrível comece pra você :*

Camila Paier disse...

Acho que todas já passamos por isso, né? Hoje em dia, é algo corriqueiro; habitual. Não deveria, mas é. Triste, flor. O bom é que, te digo com certeza e uns anos a mais de vivência na conta: passa. Mas pode voltar, no futuro. Numa outra relação, numa fraqueza nossa. A vida é montanha-russa, e tentar prever a hora do looping é que nos tira a naturalidade do susto, guria.
Beijoca!

dear sarah disse...

Se amar é a melhor pedida!
Ame-se. Olhe mais para si do que para os outros.

Elania disse...

Eu não posso dar conselhos quanto a isso.
Porque eu falo que vou esquecer, que vou deixar de falar, mas nunca acontece.
Eu posso morrer de raiva, chorar, brigar, gritar, mas quando eu ouço a voz tudo passa, mesmo que volte depois, eu odeio isso em mim, não consigo odiar o tempo todo. Não consigo ficar com raiva pra sempre.
Meu conselho: Siga seu coração, siga seus sentimentos nessa situação...

Eu me decepcionei muito, chorei muito, forcei muito, briguei, coloquei os fatos na cara dele, mas daí. Ele vem com uma desculpa esfarrapada que eu não aguento mais, vem dizendo que sou importante. COmo sou? Se me esqueceu... Não vou jogar aqui a situação por qual passei, mas quase cheguei a seu ponto, de dizer que acabou... Mas eu segui, não se irei com ele, mas sem ele eu sei que consigo agora...

Muito bom o texto, me fez pensar bastante...bjhs

cecilia disse...

Bem,e se eu dissesse que meio que to passando por isso acredita?mas a minha é um pouco complicada eu acho,eu e ele se envolvemos ai namoramos um tempo. E menos de 5 meses acabou.
Pior é que quando isso acontece simplesmente ficamos sem chão e depois perdi a amizade por intrigas dos outros e hoje nem nós falamos direito.
Quando se acaba uma amizade que juramos que é pra sempre e acreditamos nisso com toda a fé não é fácil. Choramos muito e a cada dia que passa parece que algo de joga pra trás para olhar e se lamentar. Mas não faça isso,evita-o tenta seguir...sei como é difícil mas são feridas que se fecham devagar,o caminho é complicado mas vc consegue.
Porém é como disse "daqui a um ano ou dois,nem lembrarei do teu nome" a vida é inconstante e ficamos surpresos como aguentamos tantas coisas e por mais que sofremos ainda estamos de pé e se hoje dói,amanhã vai doer é claro,mas vai ter um dia se pegará pensando "eu consegui,demorou mais tô aqui,não dói mais"
É isso Lara,tem que segui o caminho que está seguindo,sempre existe alguém em algum lugar que pensa como vc,que quer as mesmas coisas que você!Então coloca um fim nisso como já fez e caminha mesmo que sozinha no momento,um dia supera isso.
Beijo

Carolyne Mota disse...

Sei como você se sente, já passei por isso também. Mas olha, isso tudo passa, e não vai demorar, logo logo você vai vendo que não valia a pena se importar tanto assim, logo logo você os tantos defeitos da outra pessoa e percebe o quão diferente ele é de você, aí você esquece.

Beijos!

bella disse...

Bom, não posso te dizer o que fazer. Já passei por isso (quase todos passamos, é inevitável) e sei que por mais que os outros falem, só fazemos o que queremos. Ponto.

Dar importância a isso ou não e uma decisão sua. Perdoar, repensar, dar outra chance...são todas possibilidades, assim como tb o é fingir que nada disso aconteceu. Mas quem tem que decidir é você.


Se eu puder dar um conselho: Não tente esquecer, é pior. Chore o que tem chorar, viva esse "luto" e sofra, mas estabeleça a meta de dar a volta por cima. De levantar, sacudir a poeira e se preparar pra próxima.

E um dia vc conseguirá se lembrar das coisas ruins, sem esquecer que houveram coisas boas. E saberá que já superou tudo isso. ;)