agosto 06, 2010

 
Me diz porque ainda leio romances e imagino que um dia toda aquela magia melosa possa acontecer comigo? Me diz porque vejo filmes adolescentes onde tudo que a mocinha destrambelhada quer acontece? Me diz porque fico imaginando que um dia eu possa ter um amor como esses que acompanho na ficção? Me diz porque fico sonhando mil e uma maravilhas entre nós, quando nada acontece disso realmente acontece? Melhor. Me diga porque ainda imagino que o amor algum dia não irá doer? Não irá me machucar, me fazer chorar, nem passar horas e horas relembrando e me corroendo com a memória de nós que nunca mais se repetirá. A resposta: sou uma idiota. Ou melhor ainda. Uma idiota eternamente apaixonada.
Não importa qual é a pessoa, qual é o local, qual é o ano, qual a minha idade, imaginarei sempre o amor perfeito. Por mais que me quebre ainda mais por ver que nada disso é real. Apresento a você eu, uma idiota que acredita em contos de fadas mesmo nunca tendo tornado um real. Isso não mudará, pois não quero que mude. Posso parecer mais idiota ainda com esse gosto, mas prefiro acreditar que um dia possa tudo se tornar real, a nunca ter tido sonhos e viver sempre sabendo que nada é pra sempre e falso. Prefiro sim, ser a idiota que por mais adulta que pareça, acredita em um amor de criança. Quem sabe, com muitas crianças renascendo em alguns corpos, conseguiremos o verdadeiro amor de novo.

"Rosas são vermelhas
Violetas são azuis
Você pode não saber
Mas eu também amo você."
(O Diário da Princesa - A princesa apaixonada)

Lembrete: Havia terminado de ler esse livro (o do poema) quando me veio todo esse texto a mente. Mesmo com todo o sono, pois isso era lá pelas duas ou três da manhã, lutei para que não esquece-se. Pois bem, não esqueci e aí está. Quis colocar esse poema porque Mia e Michael são uns dos casais mais lindos que já vi, e esse poema em que ela escreve pra ele é super fofo. Indico toda a série "O Diário da Princesa", é apaixonante. Beijos!

9 comentários:

Nikitaverita_ disse...

Amei esse..
Talvez por eu ser meia assim, só leio romance.. só vejo filme onde tudo aprece um conto de fadas.. ou melhor, onde tudo termina bem.
Fico imaginando coisas e no fim.. nada acontece , ou até acontece, mas no final eu nao fico feliz como no sonho.

@Gaabis_am disse...

Ameeei o texto! *-*
E concordo totalmente!

Também sou assim, e prefiro mil vezes sonhar com amores do que viver completamente realista e infeliz!

Parabéns Lara! *-*

Beeijos!

Anônimo disse...

O amor que voce quer é o que se cultiva. Mas nao é perfeito, nao somos perfeitos.

Ele existe, acredite.

D.M.

Allef S. Loureiro disse...

Estou simplesmente sem palavras pelas comparações que você fez, e pelo exemplo de reconhecimento da babaquice de ainda pensarmos que vamos passar por algo que esteja em livros, novelas, filmes.

se quiser visitar ...

http://ideologiasparaviver.blogspot.com

Allef S. Loureiro disse...

Muito Obrigado pelo comentário em meu blog, eu também sempre estarei por aqui.

Thais Miranda disse...

muuito muuito muuito bom ><

cami disse...

Obrigado pelo comentario e tambem passei a seguir aqui (:
Amor, é sempre o assunto mais falado e de varias formas. Adorei o post, e as vezes sou assim sonhadora embora as vezes seja realista demais. rs
beeijo :*

Emanuele M. Santiago disse...

Me identifiquei perfeitamente nesse texto. Sempre procuro o amor perfeito, mesmo sabendo que não vou achar facilmente, e que quando achar, nem será tão perfeito assim. Mas gosto de pensar que ele existe, pra mim.

Beijos, lindo texto.
@emaanuele

Pamela Raiol disse...

Ah, eu adorei. Eu e meus gostos por romances. Também acho o casal uns fofos.