setembro 03, 2010

História sem fim

Repare bem: início meio e fim. Romance. Amor. Lágrimas. Algum sentido pra você? É sempre o mesmo começo, com a paixão a flor da pele, com ele na sua mente a todo momento, tudo a mil maravilhas. Um quase conto de fadas (onde só se falta o princípe: ele). O amor toma conta, sua vida é dele totalmente. Mas não há o brilho do começo, você sente, mas não se orgulha. Ele é um enigma, de que vale mesmo essas batidas desgovernadas aqui dentro? Até aí tudo bem. Por mais que você chore de vez em quando com alguma atitude idiota dele, ou que brigue e o xingue até o fim do mundo por um único beijo no rosto dela, está tudo nos conformes. O sorriso dele já ganha o teu dia, e seus beijos selam com chave de ouro. 
Mas aí desanda. Ele vai ou você irá. Ele ficou e você chorou. Você ficou e ele terminou. Enfim, acaba. Como num passe de mágica o seu castelo desmorona. O princípe do cavalo branco foge. A princesa agora é a plebéia que só sabe o que é sofrer e chorar. Você chora oceanos, ele no máximo lagos. Você sofre por meses - quase anos talvez - e ele, no máximo um mês. Por fim você conhece alguém, e ele já ficara com mais três na sua ausência. Minha história regride, mas nunca termina. 
Meu disco está riscado, vai e vem na mesma ladainha sem um fim. Cadê meu final feliz afinal das contas? 

8 mini memórias:

''Cadê meu final feliz afinal das contas? '' ate hoje estou tentando descobrir onde esta o meu!
"Mas aí desanda. Ele vai ou você irá. Ele ficou e você chorou" é, as histórias não costumam ter um final feliz sabe. mas a gente que tem que criar as nossas próprias histórias e não depender só dos outros pra isso. ficou lindo! =)
Bia Oliveira:. setembro 03, 2010
"Ele é um enigma, de que vale mesmo essas batidas desgovernadas aqui dentro?" até agora eu não descobri. e o que eu mais preciso saber nesse momento é o valor dessas batidas. lindo lara *---*
lindo lindo lindo lara!
Respondendo a pergunta que você fez:
Talvez, seu final feliz foi ter terminado com ele! As dores do final de um amor servem como experiência para o próximo, e o não apegar-se (muito) a uma pessoa vem a ser uma das melhores lições que você pode aprender. O final feliz é relativo, talvez você entenda esse 'final' no futuro, ou, possivelmente nem entenda!

Beijo.
Lindo, lindo, lindo. nao tem outra palavra. e vou sempre repetir? voc escreve muito bem.
ah, e sabe, nao sei porqe, voc me deu um empurrãozinho pra continuar escrevendo no meu blog, tava tao vazio e, de repente, voc chega =D obrigada !
beijos =*
Pura verdade, amei *-*
' É sempre o mesmo começo, com a paixão a flor da pele, com ele na sua mente a todo momento, tudo a mil maravilhas. Um quase conto de fadas (onde só se falta o princípe: ele). '
É mesmo, depois a gente entende que nada é esse conto de fadas.
Amei lara :)

Postar um comentário