outubro 01, 2010

Em dobro.

Essa ventania forte percorre os fios de um penteado mal feito em meu cabelo, percorre meu corpo arrepiando cada milímetro, assopra minha cara, me trás aqueles pensamentos bloqueados. Fecho a janela (posso fechar a mente também?). Ainda está frio, me encolho nas cobertas, eu preciso de você. Me apertou forte agora. Por que parece que cometi um dos maiores crimes? A pena é dobrada. O frio é dobrado, as letras, as dores, os amores. Eu pedi, sim, alguém uma vez. Aclamei com todas as forças para um pra sempre, mas não pedi a escolha. Não pedi essa indecisão e esse peso do mundo nas costas por parecer estar enganando alguém. Não quero ser a vilã, não quero ser o motivo da queda de lágrimas, eu sei como dói. Eu sei exatamente como é. E eu me pareço tanto com o vilão da minha história passada. Não quero ter que escolher, em um vai doer e um partirá, esse alguém foi eu na última vez. Por isso que adio, arrasto os dias, as semanas, vou levando com essa culpa até que me explodo aqui. Não sou de falar, mas se tivesse um microfone agora esvaziaria de uma vez todo esse amor. Eu amo um até o ponto que o outro surge me fazendo sentir uma dor imensa. "A sua idiota, você tem dois aos seus pés e tá aí reclamando", pra você que pensa isso: vá tomar no cu. Nada é como pensa, nada mesmo. As dúvidas sempre existiram, agora me vieram em dobro. Junto com os problemas, os estudos, as preocupações, a luz poderia vir em dobro também né? Pensamentos em dobro, triplo, nem sei mais, juntei todos eles e compus isso. Não precisa de nexo, não precisa de rima, precisa de ajuda. Eu preciso. 
Preciso de menos. Subtrair essas dores, essas letras, essas cobertas, esses amores. 

Veja, vale a pena:


8 mini memórias:

Amor demais também confundi, eu sei.
Lindo demais guria, meus parabéns.
Beijo grande!
Muito lindo.
"Não quero ser a vilã, não quero ser o motivo da queda de lágrimas, eu sei como dói. Eu sei exatamente como é." Odeio me sentir assum, e para não machucar ninguém, acabo me ferindo. É horrível essa sensação.
Beijos ;*
que liindo @@
''Não quero ter que escolher, em um vai doer e um partirá, esse alguém foi eu na última vez'' pois é ;x
Eu adorei o texto, de verdade. Mas esse vídeo... nem tenho palavras. Que lindo *-* Apesar de não ter conseguido ver até o final :/ É muito perfeito, eu amei.
"não quero ser o motivo da queda de lágrimas, eu sei como dói." refletiu o momento que eu estou!
Lindo texto! *-*
beijoss
Nossa Lara cada vez mais lindo seus textos!! KKK vou pegar viu e por lá no meu blog www.memorias-que-tocam-o-coracao.blogspot.com entra ai pessoal
Acho que esse é o texto seu que mais gostei. é que me identifiquei.

muito bom.
bjs
Lindo teu texto! Parabéns pelo blog e já estou te seguindo! Beijo!

Postar um comentário